Cuide da postura para ler em tablets e celulares

0
762

Há cuidados a tomar com a postura nesses manuseios, pois caso contrário a coluna vertebral pode sofrer, diz  membro da Comissão de Coluna Vertebral da SBR, o reumatologista Marcos Renato de Assis.

Atualmente, como sabemos, é inevitável passar horas diárias manuseando celulares e tablets, por conta da importância que esses dispositivos ganharam na vida cotidiana. Porém, é preciso cuidado com a postura nesses manuseios, pois caso contrário a coluna vertebral pode sofrer.

E foi esse o tema de reportagem publicada pelo jornal Folha de S. Paulo, que levantou alguns danos possíveis à coluna para quem não tem atenção à postura na leitura. Entre os problemas que podem surgir está citada a hipolordose, fruto de desgaste do disco intervertebral amortecedor (que fica entre cada vértebra da coluna)

Segundo a reportagem,o celular é a pior opção, em termos de postura e especialistas recomendam que a leitura nesse aparelho não ultrapasse 20 minutos seguidos.

Falando sobre o tema, o coordenador da Comissão de Coluna Vertebral da SBR, o reumatologista Marcos Renato de Assis, que lordose é a curvatura da coluna, normal na região cervical e lombar, cuja concavidade aponta para trás, ou seja, a curvatura que se faz ao se curvar a cabeça para trás. “A redução dessa curvatura pode se associar a problemas”, esclarece.

Assis reconhece que esses dispositivos, como tablets e celulares, são um enorme avanço em relação ao acesso a diversas informações com rapidez e mobilidade e passaram a ser usados com grande frequência. E, segundo ele, provavelmente um dos maiores problemas, já demonstrado em trabalhos científicos, é a falta de atenção em outras atividades que ocorre com algumas pessoas que tentam fazer simultanemente atividades que não são compatíveis, como dirigir um automóvel.

Além desse cuidado básico, que preserva a segurança do indivíduo, o reumatolgista cita que em uma leitura prolongada o texto deve ter tamanho e posicionamento adequados, seja pelo ajuste da tela de um computador fixo ou pelo uso de suportes para livros, celulares e tablets. Na verdade, os dois últimos dispositivos caracterizam-se por serem portáteis e muitas vezes não são usados com suporte que deixe o usuário em uma posição confortável. Apesar da tela de um celular não ser convidativa para uso prolongado muitos acabam se habituando a ler e postar mensagens por longo tempo.

Em teoria, explica  o reumatologista, é mais fácil posicionar um tablet com suporte específico do que um livro, “mas na sua ausência podem-se tentar outros tipos de apoio que facilitem a leitura e permitam o bom posicionamento da cabeça”.  E mais, diz Assis: deve-se evitar o uso desses equipamentos sem pausas. “Um intervalo entre as tarefas permite ao indivíduo relaxar e fazer alongamentos”, salienta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here